Portal Garagem – Em breve

Xanxerê – Na manhã desta terça-feira (09) o prefeito em exercício Adriano De Martini assinou o projeto de lei ADM 001/2018, dispondo sobre abertura de crédito adicional suplementar no Orçamento Geral do Município, no valor de R$ 83.823,50, para o remanejamento de dotação orçamentária da Câmara de Vereadores, que vai viabilizar a realização de mais de 1.150 mamografias.

Segundo o secretário municipal de Saúde, Arnaldo Lovatel, esta ação vai zerar a fila de espera para esse exame. “Hoje nós temos cerca de 1.200 exames na fila e com esse recurso vamos zerar a fila. Serão chamados todos os que estiverem na fila”.

Lovatel explicou que desde que assumiu a secretaria, há cerca de dois meses, vem negociando com o Legislativo para que se conseguisse recursos para zerar ou, pelo menos, minimizar a demanda que existe. “Desde que assumi venho conversando com o presidente da Câmara, o vereador Adrianinho, que hoje está como prefeito interino, que se sensibilizou, assim como os demais vereadores, e se comprometeram em atender essa demanda da saúde. Então, hoje, o prefeito Adrianinho, assinou esse projeto que vai permitir o remanejamento de recursos da Câmara especificamente para a saúde”.

O prefeito interino Adriano De Martini reforçou a parceria com o legislativo em busca de otimizar os recursos para atender cada vez melhor as demandas do município. “Com muita alegria assinamos hoje esse projeto de lei de suma importância para a área da saúde, e com parceria da câmara de vereadores representada pelo presidente Tiecher e juntamente com o secretário da saúde Arnaldo Lovatel, com esses recursos, vamos zerar a fila de mamografia do município, e continuaremos na busca de mais recursos, para atender as demais demandas da saúde”.

A partir de agora, o projeto vai para votação nas primeiras sessões de fevereiro, e tão logo seja aprovado será aberto um processo de habilitação com fornecedores para a realizar os exames. Os valores praticados para os exames serão os preços do consórcio Cis-Amosc e os interessados poderão se habilitar junto à administração municipal.