Portal Garagem – Em breve

Somente em 2017, Jusara Borges dos Santos, atleta da Acorxan, que participou de 21 competições no ano, correu exatamente 1.502 quilômetros

Xanxerê-  A história de Jusara Borges dos Santos com as corridas de rua, ela que é membro da Associação dos Corredores de Rua de Xanxerê (Acorxan) e uma das mulheres que mais se destacou nas competições no último ano, começou quando a atleta amadora ainda era criança. “A corrida sempre esteve presente na minha vida. Já na infância, uma das brincadeiras favoritas era “pega-pega”, tanto que aos seis anos de idade, apostei uma corrida com minha irmã e acabei sofrendo um pequeno acidente que resultou em 12 pontos na perna direita”.

No último ano, participou de 21 competições, sendo que destas, subiu ao pódio como primeiro lugar na sua categoria em 12. Para ela, cada competição é única e sempre tem seus prós e contras. “Um dia você está bem, no outro não, o que não pode é desanimar, tem de continuar, é você contra você mesmo. A corrida que mais me marcou foi no dia 29/10/2017, na cidade de Caçador, onde obtive o primeiro lugar geral nos 10km, sendo a primeira vez que ocupei o topo do pódio geral. Também em Florianópolis, no dia 19/11/2017, apesar de não ter levado troféu, correr em meio a cinco mil atletas e nos 10 km feminino, bater meu próprio tempo e ocupar a sexta posição geral, num evento de nível internacional, foi motivo de muito orgulho e realização pessoal”.

O início de tudo

Ao ingressar no ensino fundamental, na primeira aula de educação física todos os alunos eram submetidos a um teste de aptidão física, no qual eram realizados diversos exercícios, dentre eles o chamado “teste de Cooper”, a parte que ela mais gostava.

Mais tarde, ao prestar concurso público para a Polícia Civil, uma das fases era o famoso (e temido) teste de aptidão física e, dentre os diversos exercícios, havia a corrida de 2.200 metros em 12 minutos. Na época, sem técnica, ela conseguiu a tão sonhada aprovação, mas como não havia treinado para uma prova desse nível uma semana depois ainda sentia fortes dores por todo o corpo, fruto do exercício em exagero.

Mas foi há mais ou menos 10 anos que Jusara começou a correr no campo ao lado de casa, quando ainda morava em Faxinal dos Guedes. “Naquela época a meta era completar 10 voltas de 400 metros e quando a meta era batida me sentia a pessoa mais feliz e realizada”, conta.

A partir de então, Jusara relata que foi se apaixonando pela corrida, o que se tornou um hábito em sua vida. “Passei a aumentar as distâncias e buscar melhorar o tempo. Ainda em Faxinal dos Guedes encontrei uma amiga, também apaixonada pela corrida, e juntas começamos a correr pelas ruas da cidade. Na época, como isso não era muito comum, chamávamos a atenção das pessoas que nos olhavam curiosos. Nesse meio tempo, meu marido também começou a correr e se tornou meu companheiro de corrida. Corríamos pelos mais diversos lugares e tipos de solo, na cidade, estradas do interior, asfalto, calçamento, subida, descida, plano, etc”.

O gosto pelas competições

Jusara explica que nunca tinha pensando em competição, até que em 2009 e 2010 participou das corridas rústicas promovidas pela Prefeitura de Faxinal dos Guedes em comemoração ao aniversário do município, ambas com percurso de 10 km.

Após mudar-se para Xanxerê, conheceu outras pessoas também apaixonadas pela corrida de rua, com isso, as corridas em grupo e competições passaram a ser mais frequentes. “Minha distância preferida é 10km, na qual o foco é resistência e não só velocidade, mas quando não há essa opção, corro 5 ou 7 km”.

Segundo Jusara, em fevereiro de 2017 participou da fundação da Acorxan, através da qual os associados representam Xanxerê em várias competições dentro e fora do Estado. “Desde então, temos obtido excelentes colocações. Correr em grupo é motivador, são muitas histórias de superação, de união e socialização, onde um sempre está incentivando o outro a ir mais rápido e mais longe. Além disso, discutimos tudo sobre corridas, treinos, trechos, livros, acessórios, e assim sempre se aprende algo novo. Acabamos formando um grupo muito próximo e unido”, avalia.

A preparação da atleta

Para conquistar uma boa condição física, Jusara também realiza outras atividades físicas. Academia, pilates, caminhada e os treinos da própria corrida. A musculação é feita três vezes por semana, pilates duas vezes por semana e ela ainda conta com o auxílio de um especialista que elabora planilhas de treinamento. “Ao fazer a somatória pude constatar que somente em 2017 corri exatamente 1.502 km”.

A atleta ressalta que o resultado não vem de graça, é necessário muito esforço, dedicação, abdicação e suor. “Apesar de ser uma atleta amadora, devido a rotina de treinos, busco o apoio de profissionais habilitados nas áreas da educação física e nutrição, pois para um bom desempenho nas corridas é imprescindível um bom condicionamento físico, fortalecimento muscular, alongamento e uma alimentação adequada e balanceada”.

Em relação à alimentação, o acompanhamento de uma nutricionista auxilia na reeducação alimentar da Jusara, além da elaboração de um cardápio diferenciado para os dias que antecedem as corridas. “Esses acompanhamentos promovem melhoria na qualidade dos treinos, fazendo com que as competições ocorram de forma mais eficiente e segura”.

Corrida, uma válvula de escape

Jusara considera que a corrida é uma atividade prazerosa, o seu desestresse e válvula de escape. “Através da corrida conheci pessoas, lugares, estreitei relacionamentos, fiz amigos e correndo me sinto muito feliz. Uma das minhas maiores motivações é incentivar amigos e familiares a iniciarem nessa atividade. Busco com a corrida saúde e qualidade de vida. Busco ainda me desafiar, competir comigo mesma e bater meu próprio tempo”.

De acordo com a atleta, para iniciar uma atividade física a pessoa precisa de muita determinação. “Alguém pode estar pensando: ela tem tempo e só deve fazer isso. Mas, na verdade, quando se quer arruma-se tempo, quando não se quer arruma-se desculpas. Tenho trabalho, casa, filho, marido, família, vida social e, ainda, tempo para minhas atividades físicas”.

Para quem está pensando em começar uma atividade física, Jusara recomenda, antes de mais nada, procurar um médico para realizar um check-up. “Não pense em competição, isso é secundário, pense nos benefícios que a corrida trará em saúde física e mental e qualidade de vida. Inicie caminhando, trotando, correndo devagar e aos poucos vai aumentando a distância, melhorando sua performance e com certeza ficará apaixonado e assim não vai mais querer parar”.

Entretanto, para correr na rua, ela orienta também tomar alguns cuidados como com o trânsito, ataques de cachorros, falta de iluminação e conservação nas vias. “Por vezes, recebemos alguns apelidos do tipo “socadeiras de asfalto”, mas isso não é nada frente aos benefícios que a corrida de rua nos proporciona”, diverte-se.

Projeto para 2018

Para este ano, Jusara programa participar de competições como o Circuito de Corridas de Rua Unimed (10Km); Circuito de Corrida de Rua Sesi (10 Km) e Circuito de Corrida de Rua Oeste (5 Km). “Já estou inscrita na Meia Maratona de Chapecó em abril/2018 e de São José em março/2018. Quero participar também do revezamento misto de 21 Km em Balneário Camboriú, fazendo dupla com meu marido Nilton dos Santos”.

Os resultados de Jusara em 2017

DATA EVENTO CIDADE DISTÂNCIA COLOCAÇÃO
05-02-2017 Circuito de Corridas de Rua Unimed Chapecó 10 KM 1º lugar categoria
02-04-2017 Circuito de Corridas de Rua Sesi Concórdia 10 KM 1º lugar categoria
09-04-2017 Meia Maratona Caixa Chapecó 10 KM 5º lugar geral
23-04-2017 Corrida Rústica Itapoá  10 KM 3º lugar geral
07-05-2017 Circuito de Corridas Oeste Mondaí 7 KM 3º lugar geral
13-05-2017 Corrida Noturna Desbravadores Chapecó 9 KM 2º lugar categoria
21-05-2017 Circuito de Corridas de Rua Sesi Chapecó 10 KM 1º lugar categoria
18-06-2017 Circuito de Corridas Oeste Xaxim 7 KM 1º lugar categoria
25-06-2017 Circuito de Corridas Oeste Descanso 7 KM 1º lugar categoria
30-07-2017 Corrida Rústica Faxinal dos Guedes 5 KM 2º lugar geral
06-08-2017 Circuito de Corridas Oeste São Carlos 7 KM 1º lugar categoria
27-08-2017 Circuito de Corridas de Rua Sesi Joaçaba 10 KM 3º lugar geral
07-09-2017 Circuito de Corridas Oeste São Miguel do Oeste  7 KM 1º lugar categoria
17-09-2017 Circuito de Corridas Oeste Itapiranga 7 KM 1º lugar categoria
08-10-2017 Circuito de Corrida de Rua Sesi São Miguel do Oeste 10 KM 4º lugar geral
22-10-2017 Circuito de Corridas Oeste Maravilha 7 KM 1º lugar categoria
29-10-2017 Circuito de corrida de rua Sesi Caçador 10 KM 1º lugar geral
05-11-2017 Corrida Novembro Azul da Polícia Militar Xanxerê  5 KM 1º lugar categoria
19-11-2017 Meia Maratona Internacional Uninter Florianópolis 10 KM 6º lugar geral
26-11-2017 Circuito de Corridas de Rua Unimed Xanxerê 10 KM 3º lugar geral
10-12-2017 Circuito de Corridas de Rua Unimed Chapecó  10 KM 1º lugar categoria