Portal Garagem – Em breve

Xanxerê – Prefeitos e secretários municipais de saúde participaram na tarde de sexta-feira (22) da Assembleia de Prefeitos na Associação dos Municípios do Alto Irani-Amai, onde receberam informações sobre o Sistema de Regulação-Sisreg e sobre as ações para a comemoração dos 40 anos da Associação.

O gerente regional de Saúde da ADR Xanxerê, Willian Cavalheiro, explicou que o Estado adotou o sistema para dar maior transparência aos agendamentos de procedimentos realizados pelos municípios. Cavalheiro destacou que todos os procedimentos entrarão em uma fila única, e que todos terão acesso, municípios e usuários, para acompanhar a posição do paciente nesta fila. Segundo o gerente de saúde, os critérios para a agilização das consultas serão avaliados por profissionais de saúde e levarão em conta a gravidade da situação. “A partir da lei que exige a publicização das filas de procedimentos, para dar maior transparência no processo, o Estado adotou o Sisreg, que vai criar uma regulação da fila por dois critérios: ordem cronológica e por necessidade, emergência do serviço. Haverá um médico regulador que avaliará a urgência do serviço. Ressalto que será um médico e não um político ou um burocrata”.

Cavalheiro reforça que os municípios terão que implantar o sistema e lançar todos os pedidos que precisam ser atendidos pelos prestadores do Estado.

O presidente da Amai e prefeito de Marema, Adilson Barella, destacou a importância do compartilhamento das informações de saúde para conhecer a atuação de cada município, avaliar as falhas e adotar procedimentos que estão dando certo. “O papel da Amai é fazer essa integração entre os municípios, e com relação ao Sisreg foi importante nós uniformizarmos as informações para saber como cada município está atuando em relação a esse sistema regulador e algumas ações nós tomarmos juntos. Foi importante a participação dos secretários de saúde, para facilitar o nivelamento das informações e facilitar as tomadas de decisões”

Sobre a comemoração dos 40 anos de atuação da Associação, Barella ressaltou que o projeto Amai Memória na Escola pretende levar para as escolas a história dos municípios da região. “É o momento de pensarmos a comemoração dos 40 anos da Amai completa 40 anos, e levar um pouco de material para ser trabalhado em sala de aula com os alunos é uma forma de levar um pouco da história de todos os municípios que compõe a microrregião”.

Barella destacou que nestes 40 anos a conquista mais importante é a união entre os municípios, com o objetivo principal do desenvolvimento da região. “Nestes 40 anos u mais importante a destacar ´a união entre os municípios, a gente vê que cada vez os prefeitos têm o entendimento comum que é importante o desenvolvimento regional, como por exemplo essa reunião de hoje, onde a gente discute interesses afins, que venham beneficiar a todos”.