Portal Garagem – Em breve

Valor é 0,65% maior se comparado com o mês de agosto

Chapecó- O preço do cesto de 57 produtos básicos registra aumento neste mês, na ordem de 0,65%, comparativamente com agosto. O valor passou de R$ 1.293,72, registrados no mês passado, para R$ 1.302,14 em setembro. Isso é o que mostra levantamento feito em parceria entre o curso de Ciências Econômicas da Unochapecó e o Sindicato do Comércio da Região de Chapecó, por meio do Sicom Pesquisas. Os dados englobam alimentos in natura, semi-industrializados, industrializados, produtos de higiene e limpeza e serviços tarifados, como água, energia elétrica e gás.

Se a comparação for feita entre os últimos 12 meses, de setembro de 2017 até agora, há um aumento significativo de 3,41%. Em setembro do ano passado o custo do cesto de produtos básicos era de R$ 1.259,20. Segundo dados disponibilizados pelo levantamento, a cenoura foi o item do cesto de 57 produtos que registrou a maior alta de preço em setembro, que foi de 61,10%. Em contrapartida, o menor índice foi registrado no valor da couve, em 13,58%.

A pesquisa, realizada nos últimos dias 3 e 4, verificou que os produtos in natura apresentaram aumento de 3,81%. Já os produtos semi-industrializados tiveram queda de 0,60%. Também foi identificada queda no preço dos produtos industrializados, de 0,05%. Os artigos de higiene aumentaram em 2,12% e no grupo dos materiais de limpeza também houve aumento, de 0,92%.

O grupo de serviços tarifados, como energia elétrica, água e gás de cozinha, quando comparado com agosto, registrou aumento de preços, na ordem de 0,74%. Neste mês, uma família chapecoense necessita de 1,36 salários mínimos (líquidos) para adquirir o cesto de 57 produtos básicos.

Redução na cesta básica

A pesquisa também consta de síntese dos preços registrados em Chapecó para os 13 produtos que compõem a cesta básica. De um custo de R$ 297,52 em agosto, a cesta básica passou para R$ 297,28, com redução de 0,08%. Em setembro do ano passado o valor da cesta foi de R$ 297,37.

Os relatórios da pesquisa do cesto e da cesta básica estão disponíveis nos endereços http://sicom.com.br/pesquisas e https://www.unochapeco.edu.br/. (Extra Comunica)