Portal Garagem – Em breve

Presidente da Federação das Indústrias de Santa Catarina, Mario Cezar de Aguiar, cumpre extensa programação na região, durante esta semana, acompanhado de toda a diretoria executiva da entidade

Aproximar a Federação das Indústrias de Santa Catarina (Fiesc) de lideranças, indústrias e comunidade é o objetivo da entidade ao cumprir extensa programação no Oeste durante esta semana. “Estamos com a equipe no Oeste para ouvir as demandas e encontrarmos caminhos que viabilizem o desenvolvimento dessa região, que é tão importante para SC e que não tem recebido a devida atenção. Queremos construir uma agenda em conjunto e melhorar a competitividade das indústrias e da região”, destacou o presidente da entidade, Mario Cezar de Aguiar.

A inédita instalação da Fiesc na região tem também o propósito de ampliar o debate sobre suas potencialidades e dificuldades. O presidente e toda a diretoria executiva promoveram reunião com os sindicatos de indústria, nesta segunda-feira (22), na qual foram apresentadas ações da Fiesc e ouvidas reivindicações dos industriais. Além da reunião, os dirigentes cumprirão uma agenda de eventos e contatos em reuniões itinerantes em Chapecó, Concórdia, Xanxerê, São Lourenço do Oeste, Campo Erê, Pinhalzinho e São Carlos.

De acordo com Aguiar, a Federação tem vários desafios. A atuação da nova diretoria prevê o desenvolvimento de ações para expandir a internacionalização das empresas e avançar na inovação, infraestrutura e inclusão das pessoas e empresas no mundo digital. “Precisamos fortalecer as condições das indústrias de SC para atuarem no mercado internacional, proporcionando mais competitividade e qualidade nos produtos e serviços”, frisou. Quanto à inovação, o presidente destacou a necessidade de preparar as empresas e os colaboradores para a Indústria 4.0. “O mundo está digitalizado e não há como sobreviver sem estar inserido na filosofia da Indústria 4.0”.

Sobre a infraestrutura, Aguiar salientou que é necessário elencar prioridades. “Precisamos falar com uma só voz. Pensando nisso, lançamos o Conselho Estratégico para Infraestrutura de Transporte e a Logística Catarinense que possui participação de mais de 20 instituições que representam o setor produtivo e a sociedade civil de SC. O objetivo é contribuir para as diretrizes de uma política estadual de transporte e logística e acompanhar a sua implementação”. Entre as pautas estão as rodovias e as ferrovias. O Sistema Monitora Fiesc mostra que das 53 obras de infraestrutura acompanhadas pela entidade no Estado, 90% estão com o prazo expirado ou com o andamento comprometido.

Para o vice-presidente regional oeste da Fiesc, Waldemar Schmitz, a atuação da entidade é importante para trazer melhorias em todos os setores da região que necessitam de investimentos para se desenvolverem. “A entidade está alinhada com os desafios do Oeste e a transferência da diretoria nesta semana reforça a dedicação que tem com a região, além de conhecer melhor as demandas e fazer uma grande frente para que realmente possamos ter melhores condições nos setores que o Oeste ainda está carente”.

Programação da semana

Nesta terça-feira (23), a comitiva viaja para Xanxerê, onde visita a indústria Vantec. Em seguida, segue para São Lourenço do Oeste onde conhecerá as empresas Parati/Kellogg’s e Nutrisul Casaredo. À noite, a diretoria da Fiesc manterá reunião com lideranças empresariais e dirigentes da Associação Comercial e Industrial de São Lourenço do Oeste (Acislo).

Na quarta-feira (24), os dirigentes se deslocam para Campo Erê, onde visitam o Grupo Dass. Depois, seguem para Pinhalzinho onde o programa inclui visita ao Sesi e à Serpil, almoço com a Associação Empresarial (ACIP), empresários e o prefeito Mario Afonso Woitexem. No período da tarde será visitada a indústria Ogochi, de São Carlos.

Para quarta-feira à noite está previsto o Circuito Santa Catarina de Fomento para Inovação – etapa Chapecó. O encontro é organizado pelo Instituto Euvaldo Lodi (IEL) e iniciará às 18 horas no auditório do Senai, na rua Frei Bruno, 201, bairro Jardim América. O evento tem apoio do Sesi, Senai, BRDE, Embrapii, Finep e Badesc. (Informações pelo e-mail iel.chapeco@ielsc.org.br ou pelo telefone 49-3328-9425).

Na quinta-feira (25) serão visitadas as indústrias Apti Alimentos e Aurora pela manhã. O ponto alto da programação está previsto para o meio-dia no restaurante Horizonte, onde a Fiesc, Acic e CEC promoverão o 1º Diálogo Empresarial, reunindo empresários e lideranças. Esse encontro iniciará às 12 horas e encerrará às 14 horas e discutirá as deficiências na infraestrutura do oeste catarinense, com foco nas rodovias. No período da tarde prosseguem as visitas: Rotoline, Sesi São Cristóvão e Senai Chapecó.

Às 19 horas dessa mesma quinta-feira, no auditório do campus Chapecó, a Fiesc e a Unoesc promoverão a palestra “O que vai ser do Brasil? Política e economia no próximo mandato”, com o doutor em ciência política Rafael Cortez. O ingresso será um quilo de alimento não perecível. Cortez é doutor em Ciência Política pela Universidade de São Paulo (USP) e analista político sênior na Tendências Consultoria Integrada. (Confirmação de presença pode ser feita no link https://goo.gl/MhNpni. Informações: (49) 3321-7460 ou e-mail soeli-fachi@fiesc.com.br).

A jornada de trabalho será concluída na sexta-feira (26) com encontro da diretoria da Fiesc em reunião de avaliação. A diretoria do Sistema Fiesc retorna a Florianópolis às 13 horas.