Ferramentas de Gestão Empresarial no Excel

Chapecó- Dentro da programação do aniversário de 100 anos de Chapecó, o governador Raimundo Colombo, acompanhado do secretário de Estado da Educação, Eduardo Deschamps, participou do evento Educação Integral para o Século XXI, onde foi assinado o termo de compromisso entre o Governo do Estado, a prefeitura de Chapecó, a Federação das Indústrias de Santa Catarina (Fiesc) e o Instituto Ayrton Senna, para instituir e consolidar a proposta de educação integral nas redes de ensino. O evento contou com a participação de duas mil pessoas, no Centro de Eventos Plínio Arlindo de Nes.

Colombo destacou a importância de criar o ambiente adequado para promover o ensino integral e o trabalho desenvolvido pelo Instituto Ayrton Senna na área da Educação em todo o Brasil. “Essa união de forças vai nos permitir avançar em um dos eixos mais importantes do desenvolvimento social e até econômico, de qualquer sociedade. O conhecimento e o que é possível transformar através dele também está na forma de atrair o nosso estudante para a sala de aula e apresentar a eles novas habilidades e novas oportunidades”, destacou o governador.

A educação integral ocorre quando o ensino não está focado somente nas habilidades cognitivas (aprendizado dos conteúdos), mas quando o estudante é estimulado a desenvolver habilidades socioemocionais. No termo de compromisso, os parceiros se comprometem a reunir esforços e competências para viabilizar a educação integral em escolas de Santa Catarina. Os envolvidos buscarão disponibilizar apoio institucional e atuar a partir de uma agenda de trabalho conjunta, que ainda será elaborada.

Para o secretário Eduardo Deschamps, Santa Catarina tem demonstrado responsabilidade com o futuro da Educação ao implantar medidas e ações como a criação do Plano Estadual da Educação e instalar, de forma inédita no país, um comitê para o monitoramento da implementação do plano apenas com integrantes da sociedade. Deschamps também destacou a abertura de concurso público para o setor com mil novas vagas.

O presidente da Fiesc, Glauco José Côrte, salientou que a parceria é fundamental para o futuro da educação. “Estudos já nos mostram que a atuação do estudante de hoje vai desbravar, por exemplo, profissões que ainda não foram criadas”.

O termo de compromisso estabelece a união entre os envolvidos para estruturar e viabilizar a continuidade da Educação Integral em Santa Catarina. O município de Chapecó apresentou o que já é realizado na região de abrangência ADR Chapecó. A educação integral já está sendo aplicada em 10 escolas estaduais por meio do projeto “Desenvolvendo e Avaliando Criatividade e Pensamento Crítico”.

O projeto é desenvolvido de acordo com o conteúdo determinado na escola, o objetivo é estimular as habilidades de criatividade e o pensamento crítico, os estudantes fazem autoavaliação periódica.