Portal Garagem – Em breve

Moradores interessados precisam se enquadrar na faixa 1,5, que exige renda familiar entre R$ 1.800 e R$ 2.600 ao mês

Passos Maia- A administração municipal de Passos Maia realizará na próxima semana uma reunião com um representante da Caixa Econômica Federal para explicar o enquadramento habitacional urbano do Programa Minha Casa, Minha Vida. As regras serão esclarecidas em uma reunião no Centro Comunitário, a partir das 19 horas do próximo dia 10 de maio, uma quinta-feira.

O gerente da agência da Caixa Econômica Federal de Faxinal dos Guedes, André José Marcon, apresentará a modalidade de financiamento para a faixa de nível 1,5, voltada a famílias com renda entre R$ 1.800 e R$ 2.600 ao mês, que prevê subsidio do Ministério das Cidades e do município de Passos Maia.

A faixa de nível 1,5, além de exigir renda familiar entre R$ 1.800 e R$ 2.600, admite a compra de imóveis de até R$ 135 mil, com taxas de juros de apenas 5% ao ano e até 30 anos para pagar. O subsídio pode chegar a R$ 45 mil.

O município possui uma ampla demanda habitacional. De acordo com dados da Secretaria de Desenvolvimento Social, atualmente são cerca de 150 famílias em uma lista de espera pela casa própria. A intenção da administração é que dezenas de famílias já possam aderir ao programa a partir da reunião da próxima semana.