consultoria vsd

Xanxerê – Profissionais da Escola Especial Helena Adams Kellers/Associação de Pais e Amigos dos Excepcionais-Apae realizou durante todo o sábado (11) um pedágio solidário em várias ruas da cidade.

O pedágio aconteceu, simultaneamente, em três pontos da cidade: no cruzamento da rua Coronel Passos Maia com a avenida La Salle; na rua Vitor Konder, em frente ao Fórum e na avenida Brasil, em frente à praça Tiradentes.

De acordo com a fonoaudióloga Eliane Lucia Vitorello a receptividade e a solidariedade das pessoas foi muito positiva. “As pessoas estão sendo muito receptivas. Eu acredito que em torno de 90% das pessoas que estão sendo abordadas estão colaborando, seja com algumas moedas, seja com valores mais altos”.

Uma prova de solidariedade aconteceu quando Valdecir Soares, que estava vendendo a rifa de um automóvel para levantar recursos para um tratamento de saúde, doou um bilhete da rifa para a Apae. “Estou fazendo a rifa do meu carro para conseguir dinheiro para um tratamento de saúde. Eu tenho hérnia de disco e estou rifando meu carro para pagar o tratamento. Eu dei um bilhete para a Apae porque nessas horas, é melhor ajudar do que ser ajudado”.

O presidente da Apae, Vainer Ferreira de Andrade, destacou que o pedágio teve dois objetivos: a conscientização e a arrecadação de recursos: “Durante o pedágio, além da arrecadação das doações voluntárias, foram distribuídos folhetos do Projeto Prevenção, que alerta sobre as várias formas de prevenir a deficiência durante a gestação”.

Segundo o presidente o valor arrecadado vai ajudar a custear algumas atividades com os alunos, como o deslocamento para participar das Olimpíadas das Apaes.

Vainer reforçou e agradeceu o trabalho de todos os envolvidos. “Quero dar os parabéns e agradecer, em nome da diretoria, a toda a equipe que se envolveu, sacrificando o sábado com a família para estar aqui pela causa da Apae. Quero também agradecer à Polícia Militar que nos deu suporte nos três pontos do pedágio”.