Ferramentas de Gestão Empresarial no Excel

Xanxerê- Com objetivo de proporcionar a cidadania plena através da legalização de áreas urbanas ocupadas por famílias em situação de vulnerabilidade social, aconteceu na manhã desta terça-feira (27), a entrega das certidões de averbações. Foram 64 documentos entregues, os quais a partir de agora devem ser encaminhados a prefeitura para posteriormente efetuar a emissão do habite-se.

O ato ocorreu no auditório do Bloco E da Unoesc Xanxerê e foi promovido pelo Judiciário. A juíza diretora do foro de Xanxerê, Lisandra Pinto de Souza, explicou que os processos para regularização deram entrada ainda em 2014 e, nesta etapa, serão entregues 16 certidões para moradores do Bairro Santa Cruz e 48 do Bortolon. O promotor de justiça, Marcos Augusto Brandalise, destacou que este é um importante momento, proporcionando cidadania plena a comunidade, onde os moradores podem inclusive comercializar ou buscar financiamento para ampliação de seus imóveis.

O prefeito Avelino Menegolla também comemorou esta conquista, pois dará aos xanxerenses melhores condições.

“Parabéns a todos que se envolveram neste processo para hoje entregar algumas dessas escrituras para que se melhore o dia a dia das pessoas. Temos muito trabalho pela frente, para atender outras pessoas e tenho a certeza que isso vai mudar muito para as famílias e para o município”, disse.

O ato de entrega das certidões contou com a presença do presidente da Câmara Municipal de Xanxerê, vereador Lenoir Tiecher, do represente da empresa Ragserv Curitiba, Marcelo Kasteller que atuou na regularização junto ao Tribunal de Justiça de Santa Catarina.